quarta-feira, 10 de março de 2010

Prioridade de Certas Democracias: Os Crimes de Pensamento!


[retirado daqui]

O proprietário da Libreria Europa, Pedro Varela, foi condenado a dois anos e nove meses de prisão por difusão de "ideias genocidas" e "contra os direitos fundamentais". Um ano e três meses por delito de difusão de ideias genocidas e outro ano e meio por atentar contra os direitos fundamentais e as liberdades públicas garantidas pela Constituição.
Foi, igualmente, condenado a pagar uma multa de 2.880€ e à destruição dos livros apreendidos.
Já em 1998, o último presidente do CEDADE, tinha sido condenado a uma pena de cinco anos de prisão mas o Tribunal Constitucional espanhol declarou que a negação do holocausto não era delito.

Podem ler sobre este asunto também aqui.

A liberdade de expressão e de informação em certas "democracias" é a maior piada à face da Terra!

1 comentários:

Stefano disse...

E ainda falam mal do Fidel!!! Hahahahahaha!!