quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

E Se a Lua Não Fosse o Que (Quase) Todos Pensam Que é?... (I)

Lua (do latim Luna), situando-se a uma distância de cerca de 384.405 km do nosso planeta.

A nossa Lua é um corpo celeste interessante pelo histórico “místico e esotérico” que tem.
Ela é dita como nosso “satélite natural” - Satélite = Astron. Planeta secundário que gira à roda de um planeta principal.

A verdade é que há muitas coisas “mal” explicadas ou simplesmente ocultadas sobre a Lua.

Eu sempre achava estranho quando diziam que a Lua nos mostra sempre o mesmo lado. De fato, ela sempre está com um lado apontado para a Terra, mas como isso ocorre ??? (...)

Mas, como podemos justificar seu movimento de Rotação se ela está sempre nos mostrando um mesmo lado ???
Fácil, é porque ela NÃO há movimento de Rotação – NÃO existe tal Rotação !!! Há somente o movimento de Translação.


"A tese de que a Lua executa um movimento de rotação em torno do seu próprio eixo é um atentado à inteligência do ser humano".



[PODEM CONTINUAR A LER AQUI]

Sobre a possibilidade da Lua ser algo mais do que pensávamos até hoje, aconselho a leitura disto e disto.

3 comentários:

Daniel Simões disse...

ahahaha e eu que falei nisto no comentário que coloquei no outro post!!! Sincronias...

Daniel Simões disse...

As tabletes sumérias contam que a Lua era um satélite de Nibiru, a qual, quando aquele planeta chocou com Maltek, se desprendeu da sua órbita original e "colou-se" a uma das metades de Maltek, ou seja, a Terra. A outra metade é o que hoje conhecemos como "Cintura de Asteróides"

Johnny Drake disse...

Tive um professor na faculdade que me disse que essas tabuletas em argila possuiam apenas indicações das produções agrículas de determinadas famílias. Deste modo, sabendo o que produziam e o que comiam, sabemos hoje quase tudo sobre os Sumérios... O que é que se responde a um professor universitário como este???? Ele é que sabe porque ele é que está a contar a história e a repeti-la ainda hoje a outros alunos de História...